Se preferir, acesse nosso site
usando seu perfil no Facebook:

Tudo o que você precisa saber sobre empréstimo pessoal

Você está pensando em pegar um empréstimo pessoal? Se sim, então, numa Boa, vamos explicar em detalhes o que é empréstimo pessoal, como funciona, quem tem acesso a este crédito e onde solicitá-lo, entre outras informações. Bora?

O que é o empréstimo pessoal

O empréstimo pessoal, também chamado de crédito pessoal, é oferecido por instituições financeiras e é de fácil acesso, sendo uma das opções disponíveis no mercado para quem precisa de dinheiro com rapidez.

Quem solicita o valor passa por uma análise de crédito em banco de dados como o da Boa Vista, onde é verificado o comportamento de pagamento, se possui dívidas atrasadas, etc.

Se aprovado, o valor do empréstimo é depositado na conta corrente. Por causa da facilidade de se conseguir um empréstimo pessoal, este tipo de crédito tem umas das taxas de juros mais altas do mercado.

Quando pedir

Quem pede um empréstimo geralmente precisa do valor para diminuir alguma dívida que tenha uma taxa de juros maior, como do cheque especial ou do rotativo do cartão de crédito, ou quando se precisa de dinheiro para uma emergência.

Empreendedores também recorrem ao empréstimo pessoal para começar um negócio ou ampliar sua empresa. Ou seja, não precisa ter uma finalidade específica!

Onde pedir

Você pode solicitar o empréstimo pessoal em bancos, financeiras, internet banking, caixas eletrônicos, cooperativas, lojas de departamentos.

  • No banco: basta procurar o banco pessoalmente, ir direto no internet banking ou num caixa eletrônico. Se você já tiver conta corrente aberta, é possível que também já tenha uma linha de crédito pré-aprovada.

Ao falar com o gerente de sua conta corrente aproveite para pedir detalhes sobre a taxa de juros e os outros custos, como o Custo Efetivo Total (CET), ou seja, a taxa final de juros.

O contato pessoal favorece a negociação das condições do contrato, como taxa de juros e número de parcelas. É bom saber que as condições do empréstimo pessoal são diferentes em cada instituição financeira.

Algumas instituições financeiras não exigem comprovante de renda nem garantias para o pagamento.

  • Financeiras: são empresas especializadas em emprestar dinheiro, mas não são bancos, portanto, você não tem um crédito pré-aprovado.
    Nas financeiras será feita uma análise de crédito, e a empresa pedirá alguns documentos e informações para decidir quanto ela pode emprestar a você e qual será a taxa de juros.
  • Fintechs: são bancos online. Por usarem a tecnologia e não terem agências, conseguem oferecer taxas de juros mais baratas.

Entre as vantagens do empréstimo pessoal online está a facilidade de fazer simulações e comparar as taxas de juros entre instituições diferentes. Mas elas podem solicitar comprovante de renda. Em razão do tamanho desses bancos, os valores concedidos são menores.

Tome muito cuidado ao procurar as fintechs ou empréstimos online. Isso porque é comum se deparar com anúncios, numa pesquisa na internet, de empresas que oferecem créditos sem garantias e comprovação de renda. Alguns são falsos. Por isso procure conhecer a empresa para não cair em golpes.

  • Cooperativas: ser associado a uma cooperativa de crédito pode ser uma opção de juros mais baixos num empréstimo pessoal, uma vez que cada cliente é sócio da instituição.

Porém, é importante ressaltar que, nas cooperativas, os prejuízos são divididos entre todos os sócios.

  • Lojas de departamento: grandes redes de varejo também oferecem empréstimo pessoal. Elas têm acordos com bancos e financeiras para liberar o dinheiro para clientes que usam o cartão da rede.

Quem pode contratar?

Quem tem mais de 18 anos, tenha documentos pessoais válidos e é residente no Brasil.

Algumas financeiras emprestam o valor solicitado mesmo que você tenha o CPF negativado. Porém, geralmente com taxa de juros maior.

Posso ter mais de um empréstimo pessoal?

Sim. Mas quem dará a palavra final é quem irá fornecer o crédito. Antes do “sim”, devem fazer uma análise do CPF.

Quem quer pedir um segundo empréstimo, precisa também ter o cuidado de conhecer bem suas condições de pagamento, e isso é possível com um bom planejamento financeiro.

Para mais informações e dicas de Educação Financeira e Orçamento Doméstico siga a Boa Vista no Facebook!

Mais

Comentários