Dicas de como proteger seus documentos no carnaval

No carnaval, infelizmente são muito comuns os furtos de documentos, cartões e celulares. Então, se você quer ir para a folia em lugares abertos e com muita gente, é bom ficar esperto.

A Boa Vista vai dar algumas dicas para que você possa aproveitar o carnaval com segurança e muita festa, sem nenhuma dor de cabeça!

O que levar ao Carnaval

Procure levar somente o essencial, como apenas um documento (RG ou Carteira de Habilitação) e um cartão (de crédito ou débito).

E carregue muito pouco dinheiro. Se já vai levar cartão, provavelmente não vai precisar de dinheiro vivo.

O ideal seria também não levar o celular, mas como é difícil sairmos de casa sem ele hoje em dia – ainda mais no carnaval, quando queremos tirar muitas fotos e nos comunicar com os amigos –, você pode levá-lo, mas tomando bastante cuidado.

Todo o resto que você costuma levar consigo no dia a dia é melhor deixar em casa. Você não vai precisar, e além do peso atrapalhar a folia, pode acabar perdendo algo importante.

Onde levar seus pertences

Procure usar uma pochete (elas voltaram à moda e fazem um baita sucesso no carnaval!) ou bolsa a qual você possa esconder ou deixar presa no corpo. Evite guardar nos bolsos o que você vai levar para a folia.

Não entregue seu cartão para vendedores

No carnaval, não entregue seu cartão de crédito ou débito para nenhum vendedor (isso vale em qualquer época!) e não se distraia durante o pagamento.

Isso porque é cada vez mais comum o golpe de pegarem o seu cartão para colocar na maquininha e devolverem outro. Os golpistas se aproveitam de um momento de distração do comprador, ou usam algum truque e desviam sua atenção, para que você insira, por engano, a senha no campo destinado ao valor da compra, permitindo que o golpista descubra sua senha.

Outro golpe comum nesta época do ano é o da dupla operação ou do valor errado. Neste, o golpista finge que o cartão não passou na maquininha e alega um problema qualquer do aparelho. Em seguida, ele pega outro equipamento e cobra novamente o valor. O prejuízo só é percebido quando a vítima olha o extrato do banco.

Portanto, em todas as transações com cartão exija e confira o recibo para ter certeza de que a operação não foi feita.

Os cuidados não foram suficientes?

Mesmo tomando o máximo de cuidado, sempre existe o risco de você ser vítima de um golpe ou de um furto/roubo durante o carnaval.

Então, é importante tomar algumas medidas.

  • Boletim de Ocorrência: é fundamental registrar o sumiço dos documentos na delegacia de polícia. O B.O. pode ser feito via online.
  • Roubo/furto de documentos, cheques, cartões: entre no site da Boa Vista e registre a perda dos documentos no SOS Cheques e Documentos. Será feito um alerta ao mercado, reduzindo o risco de fraudes com seu CPF. Para fazer o registro é muito simples e prático!
  • Segunda via de documentos: em quase todos os estados é possível acessar o órgão responsável e fazer o agendamento para retirar o novo documento. Em São Paulo, você pode acessar o site do Poupatempo e fazer o agendamento.
  • Celular: Se você ficou sem o celular durante a folia (perda, roubo ou furto) é preciso fazer o bloqueio do IMEI (uma espécie de “RG” do seu celular) na operadora e o aparelho não poderá mais ser conectado.

Portanto, deixe o IMEI anotado em algum lugar ou se você ainda tiver a caixa dele, é só ver o número, que sempre está destacado nela.

No celular, você pode saber o número do IMEI digitando *#06#, como se você fosse fazer uma ligação, e o código de 15 dígitos (IMEI) será exibido na tela.

Para mais informações e dicas de Educação Financeira e Orçamento Doméstico siga a Boa Vista no Facebook e acesse o site consumidorpostivo.com.br

Mais

Comentários